Stamina Zer0

 Como sempre eu deixo pra ver o blog quando to pregadamente pregado nem conseguindo parar em pé...e o melhor é que eu nem tenho um assunto em mente, então, este post vai ser inútil, fútil, desconstrutivo... enfim, vai seguir o padrão do blog...
 Vejo que os membros finalmente decidiram participar, e fazer jus ao salário que eu lhes pago... já era hora, embora uns ainda não tão lá aquelas coisa, mas eu ando de bom humor (o que não é tão bem-humorado assim), e não to pegando no pé de ninguém... mas é claro que ninguém quer saber o que se passa por trás dos panos por aqui, então vamo fala de outra coisa...
Alguém ai joga Magic? Ando viciado nisso, e já gastei quantias que eu nem quero pensar em cards, montei vários decks, coloquei várias cartas fodonas... tudo pra quando eu fui jogar contra o Musashi, ser massacrado, humilhado, espancado e derrotado. Mas fazer o que, ele é japonês, e foge de minha compreensão. Mas enfim, as cartas são muuuuuito foda, tem ilustrações muuuuuito cabulosas, e eu vou começar a compartilhar aqui as cartas que eu acho mais legais. Começando por essa:


 Esqueçam os vampiros românticos vistos em crepúsculo, com estes aqui não há final feliz. Eles caçam e destroçam sua presa, e a cada inimigo derrotado ficam muito mais forte. Eles voam, o que torna seus ataques impossíveis de se defender. Uma das cartas chefes em meu deck de vampiro.

 Deixando isso de lado, vejam esta foto:



























 Os leitores de Marvel sabem de onde ela provém... Civil War, uma mega saga que eu estou lendo atualmente, e quando eu digo mega, é mega mesmo, acho que chega a 190 hqs, o que dá um trabalhão baixar e ler... e nela, vemos herói contra herói, lutas sangrentas e fatais, e o a noção de certo e errado desaparece...

 Alguém ai lembra que eu comecei um post sobre o Davy Jones? Peguem uma prévia da continuação deste post (que você pode ver clicando aqui):





  Mudando de assunto, vi esses dias uma matéria cujo título era um tanto quanto peculiar... dizia algo sobre um certo "homem galinha"...

 A história era de um homem, já adulto, que fora criado em um galinheiro (tipo aquelas histórias de criado por lobos, mas troque dentes e pelos por penas e bico), e o indivíduo cresceu pensando ser uma galinha (podia pelo menos ser um galo...), e nunca foi reabilitado, mesmo sendo internado... até uma mulher o adotar... ai vem a incógnita: por que diabos uma mulher em sua sã consciência iria adotar um homem, já adulto, que pensa ser uma galinha, e não da conta nem de coisas básicas, tipo, limpar a própria bunda? Que ninguém responda "ainda há bondade no coração das pessoas", porque eu não acredito nisso... ou ela é uma cientista maluca que irá abrir o cérebro dele e estudá-lo, ou uma sádica, que irá torturá-lo até a morte, ou ela é uma velha virgem, cheia de desejos por um homem-galinha, ou ela pretende lançar uma linha de hqs baseadas no mais novo super herói, o galinhoman... enfim isso aconteceu lá no Fiji, e a matéria tá aqui... e eu faço piada disso sim, e não to nem ai pros moralista de plantão...

 Enfim, avisei que não sairia nada de bom daqui... então pra viajem não ser perdida, ROCK NA VEIA!!!!!




←  Anterior Proxima  → Inicio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Total de visualizações

Arquivos

Link-me

CronicaEx
Connection -

Parceiros

Popular Posts