De um milagre, nasce uma lenda


 Alguns animes são poderosos o bastante para marcar nossos corações de forma tão intensa que jamais saem de nossas lembranças. Seus personagens nos cativam, e no decorrer dos episódios, nos importamos com eles. E os eventos vão se desenrolando, formando uma teia que nos faz rir, chorar, comemorar e lamentar diante de uma bela história.


É isso que procuro quando assisto um anime. Uma boa história que me faça pensar, sentir e admirar. Madoka Mágica, em seus 12 episódios conseguiu me marcar, como um dos grandes animes que tive o prazer de assistir.
 Tudo começa com Madoka, a típica personagem principal, que leva sua vida feliz ao lado de suas amigas. Porém, de forma repentina, sua calmaria é perturbada por um estranho (e fofinho) ser chamado Kyuubei.
Este ser traz a ela uma proposta: ele concedera a Madoka um desejo, seja ele qual for. Em troca disso, ele a transformará em uma garota mágica, ganhando poderes para lutar contra as sombras.
 O anime traz uma grande desconstrução do gênero garota mágica. O quão difícil é para simples meninas enfrentarem criaturas tão maléficas, mesmo tendo poderes, sentimentos como medo, solidão, insegurança e dor trazem grande desequilíbrio ao emocional já instável delas.

 Nesse anime, o conceito é que garotas mágicas nascem de um desejo. E de uma maldição, nascem suas inimigas, as bruxas.
 A raiz de todo o mal em nosso mundo seriam as bruxas, responsáveis por sentimentos ruins, elas criam labirintos paralelos a nossa realidade, onde se escondem das garotas mágicas.
E essa é a grande missão das escolhidas: invadir os labirintos e destruir as bruxas.
A beleza do anime está na crueza em que retrata crianças enfrentando grandes perigos. Não há nenhuma personagem que não sinta medo antes de uma missão, suas emoções são intensas e bem trabalhadas, fugindo de muitos clichês que tornariam o anime desinteressante.
 E temos muitas reviravoltas. A trama surpreende várias vezes com o rumo tomado. Tudo na trama tem o seu porquê, seu propósito para mover as coisas, deixando tudo amarradinho para um bom final.

A animação é peculiar. Seus traços são simples e bem coloridos, algo característico desse gênero. Porém dentro de um labirinto de uma bruxa, a animação passa a ser psicodélica, misturando recortes com cg, trazendo de forma gráfica toda a insanidade daqueles seres.
Madoka Mágica é um anime que se faz valer, com seus poucos episódios nos conta uma história complexa, com personagens complexos, uma mistura de elementos e conceitos que nos entrega um anime muito bom, como já dito acima, um dos melhores que já assisti.


De um milagre, nasce uma lenda De um milagre, nasce uma lenda Reviewed by Jyuuken Cronicaex on 21:23:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.