A segunda temporada de Shingeki até agora

Já estamos aí com seis episódios lançados da nova temporada de Shingeki, e não tem como não falar sobre isso. Se você ainda não assistiu todos os seis, cai fora daqui por que vai ter spoilers, e acredite em mim, você não vai querer descobrir isso lendo meu post e sim assistindo.


Desde que a temporada recomeçou, uma certa brutalidade está no ar, carregada de sangue e mistério. Desde o primeiro episódio, com o surgimento do titã bestial e todo o mistério que ele carrega. O maldito fala, é muito mais inteligente que todos os titãs comuns, e parece saber algo a respeito de todo o mistério envolvendo esse mundo.

“ Vocês atacam direto na nuca, sabem onde estamos. ” Ele diz em uma das cenas. “Aparelho interessante esse”, sobre o equipamento usado para combater os gigantes. E como se não bastasse, junto com sua aparição, titãs começaram a surgir dentro da muralha, sem nenhuma explicação.
Não existe buraco na muralha, e tudo nos leva a crer é que pessoas foram transformadas nos terríveis gigantes.
A chocante revelação de que no interior da muralha também tem titã, um segredo que vem sendo mantido pela igreja, sabe-se lá por quanto tempo. Sempre houve um desejo das tropas de exploração de fortificar as muralhas mais externas, mas isso sempre foi proibido pela igreja, que idolatra as três muralhas.
Isso é genial. Qual a forma de impedir que as muralhas sejam sequer tocadas? Cultuando-as! A religião era a única forma que tornaria criminosos qualquer tentativa de alteração nos grandes muros, mantendo o segredo no mais absoluto sigilo... até agora.
E junto com toda essa revelação, veio o fato de que a pequenina Krista é na verdade uma filha bastarda da família real, vivendo por ali escondida. Seu sangue é da alta linhagem, seu nome verdadeiro é Historia, e ela pode conhecer os segredos deste mundo.
E justo ela está no olho do furacão.

Presos em uma torre, estão ela, Connie, Ymir, Reiner e Bertolt. Cercados por titãs. Mortes terríveis e cruéis nos mostram o quão frágil é a vida nesse anime, e por mais habilidoso e forte que o personagem venha a ser, heroísmo nem sempre acontece, e o que se desenrola não são mortes honradas, mas brutais e terríveis.
Não é um mundo para o qual os fãs gostariam de ir, sem dúvida. No meio de tanto anime colorido, onde tudo dá certo, onde todos terminam felizes, é bom ver um que tenha esse tom um pouco mais pesado, mais sujo, mais cruel. Nos dá uma sensação de insegurança. Shingeki é um anime onde tudo pode acontecer.
Tudo, como por exemplo, Ymir, uma personagem que eu provavelmente nem havia prestado atenção antes, pula do topo da torre, e se transforma em uma titã! É de explodir os miolos! Ymir vira uma titã mais baixinha, porém mais ágil, e começa a virar a luta, que já parecia perdida.


Ymir tem alguma relação com Reiner e Bertolt, algo ainda não explicado.  Mais mistérios, mas nem dá pra pensar muito nisso, porque o número de titãs ali é muito alto, e Ymir acaba sendo subjugada, e devorada!
Mais brutalidade, mais reviravolta. E quando tudo parece perdido, Mikasa, Levi e uma galera chegam para salvar o dia. Eles limpam a área, e tudo se acalma. Ymir ainda não morreu, eu acho, Estado crítico, mas ainda viva.
E, quando tudo parecia estar bem, Reiner se desespera, querendo logo pôr fim a sua jornada, querendo logo voltar para casa, e revela que ele e Bertolt são os grandiosos Colossal e Encouraçado, e querem que Eren vá com eles.
Já havia uma suspeita por parte deles. Armin é muito sagaz, e notou coisas que nem mesmo nós que assistíamos notamos. As pistas estavam sempre ali, diante de nossos olhos. Mikasa os ataca, e não os deixa com outra alternativa que não a de assumir suas majestosas formas. E é aí que o coração para.















Uma das cenas mais majestosas de todos os animes que já vi, trilha sonora épica, animação com muita qualidade, uma carga dramática pesada, Reiner e Bertolt assumem suas formas de titãs, crescendo na muralha, jogando tudo pelos ares, e capturando Eren e Ymir.
Os dois são inimigos. Mas não são a figura típica de vilões que a maioria das histórias nos mostra. Eles eram bons amigos, já salvaram a galera várias vezes. Eles têm algum motivo para estarem fazendo isso, é como anda dizendo o trailer do Injustice 2: cada vilão é o herói de sua própria história.
Eren em lágrimas também vira titã, mais uma vez sendo forçado a se levantar contra um amigo, mais uma vez se sentindo traído. O que virá agora será uma luta de estremecer a realidade, e mal posso esperar para por meus olhos nisso!

Shingeki é, sem sombra de dúvidas, um dos animes mais empolgantes e com uma das histórias mais complexas que já vi. Por mais animes assim!
A segunda temporada de Shingeki até agora A segunda temporada de Shingeki até agora Reviewed by Jyuuken Cronicaex on 13:10:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.