Batman Arkham City

  Minhas férias vão chegando ao fim, mas não antes de me proporcionar a incrível experiência que foi finalizar Batman Arkham City!!

Sinopse:

"Batman Arkham City é o sucessor do célebre Batman Arkham Asylum. Em vez de concentrar a experiência de jogo dentro dos muros do clássico asilo de super-vilões, Arkham City toma como palco uma ampla área de Gotham City. Após tomar para si todo o crédito pela derrota do Coringa no primeiro jogo, o diretor de Arkham, Quincy Sharp, resolveu elevar a novos patamares os seus planos para a recuperação dos piores criminosos de Gotham. Para tanto, o megalômano diretor comprou toda a parte pobre da cidade, a fim de transformar toda a área em um gigantesco hospício.

 Dessa forma, é transportada para a recém-criada Arkham City uma imensa quantidade de criminosos, sendo que o único mandamento é: não tentem escapar; risível, naturalmente. Para fiscalizar o novo município, Sharp vai atrás de Hugo Strange, psiquiatra maníaco e também um dos primeiros vilões do Homem-Morcego — e que parece ter seus próprios planos para o futuro do local.

 Mas a coisa realmente começa a pegar fogo no local quando o famigerado Duas-Caras, em uma tentativa de ganhar status junto aos delinquentes de Arkham City (e também junto aos de fora), desenvolve um plano para assassinar publicamente a Mulher-Gato. Dessa forma, é chegado o momento de o Homem-Morcego intervir novamente, seja para preservar a paz no que restou de Gotham ou para proteger seu antigo e inadmitido affair.

 Arkham City traz também novos gadgets para o cinto de utilidades do Homem-Morcego – entre eles, uma bomba de fumaça e uma detector de sinais de transmissão —, missões paralelas e novos inimigos — Duas-Caras, Mulher-Gato, entre outros."

 Joguei o Asylum, que foi um excelente jogo, e sua continuação é mais do que digna: Arkham City tem tudo que o primeiro jogo não teve, um dos melhores games de heróis sem duvidas.
 O sistema de combos é uma coisa de se encher os olhos, lute contra multidões de inimigos, com alguns armados de facas, escudos, bastões de choque e até mesmo com armas de fogo, e MASSACRE eles. Fica claro aqui o poderio do que é ser o Batman.
  E nem sempre o combate aberto é a melhor opção. Oculte-se nas sombras, e elimine seus inimigos sem ser visto. Essa é uma das coisas mais legais do jogo: você derruba um capanga, e desaparece no escuro.Os outros encontram o corpo desmaiado, e ai ficam muuuuuuito nervosos, chegando a atirar em todas as direções...

 Mas e os chefões? A quantidade de vilões presentes em Arkhan City é incrível: Mr. Freeze, Cara de barro, Pinguim, Coringa, Ra's al Ghul, entre muitos outros... e tem até o Solomon Grundy, aquele que nasceu na segunda, foi batizado na terça, se casou na quarta, adoeceu na quinta, piorou na sexta, morreu no sábado e foi enterrado no domingo.
 A trilha sonora também ficou bem legal, e a trama... bem a trama... tem o Coringa, preciso dizer mais?E sem falar na quantidade de missões secundárias...































Batman Arkham City Batman Arkham City Reviewed by Jyuuken Cronicaex on 15:49:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.