Palhaço assassino

Abrindo a categoria macabro, eu, uma pessoa macabra, irei postar sobre John Wayne Gacy, um serial killer. 




Todos acreditavam que John era apenas um palhaço amador, se apresentava como uma pessoa cordial e educada( a tá, seis queriam que o cara saisse demonstrando pra todo mundo que era um assassino?O cara ia fingir memo, é claro).Suas vitimas eram garotos de 9 a 20 anos.
Ele  sequestrava e torturava  suas vitimas, chegava a abusar sexualmente, e quando o corpo não mais respondia, ele os enterrava eu seu jardim.
Ao todo foram 33 vitimas,sendo que depois do numero 23, devido ao superlotamento de seu jardim, ele começou a atirar os corpos no rio.

 Em 22 de maio, Jeffrey Rignall, saiu para tomar uns drinques. Um carro cortou-lhe o caminho e se ofereceu para levar-lhe até a região dos barzinhos...

Rignall aceitou o convite sem suspeitar o que aconteceria em seguida. John Wayne Gacy atacou-lhe com clorofórmio e a seguinte imagem que Rignall viu foi John nu em sua frente exibindo uma impressionante coleção de objetos de tortura sexual. Rignall passou toda a noite aprendendo na própria carne a dolorosa teoria que seu seqüestrador ia explicando-lhe em pormenores.
À manhã seguinte, o jovem torturado e traumatizado apareceu cheio de feridas e com o fígado destroçado pelo clorofórmio diante da estátua de Lincoln Park em Chicago. Teve a sorte de ainda estar vivo. Em apenas seis anos, 33 jovens como ele viveram a mesma experiência.

Vamos comemorar seu ultimo aniversário?
Em 1978, um jovem chamado Robert Piest desapareceu.Seu ultimo local visitado teria sido uma entrvista com  John Wayne, o que levou a policia a casa do palhaço.E uma vez que entraram em sua casa encontraram o mais completo arsenal de instrumentos de tortura jamais visto. Não precisou muito para que Gacy confessasse e entregasse à polícia um completo mapa onde jaziam 23 dos 33 cadáveres.
Em fevereiro de 1980 começou o julgamento pelos crimes cometidos. Em 1988 foi condenado a 21 prisões perpétuas e a 12 penas de morte.

Durante os anos que esteve na prisão se dedicou à pintura cujos quadros chegaram a ter um valor de mais de 300 mil dólares. Ademais concedeu diversas entrevistas nas qual chamava sua vítimas de "viadões" e escória da humanidade.

Em nove de maio de 1994 depois de ter ingerido camarão, frango, batatas e morangos foi executado com uma injeção letal. Suas últimas palavras foram:

- "Beijem meu cu! Nunca saberão onde estão enterrados os demais".
A cela de John foi utilizada para as filmagens de Prision Brake
A policia ainda investiga parentesco com Bruce Waine, o milionario playboy que supostamente seria o batman.

Agradecientos ao site Metamorfose digital





←  Anterior Proxima  → Inicio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Total de visualizações

Arquivos

Link-me

CronicaEx
Connection -

Parceiros

Popular Posts

Popular Posts

Blogroll

Featured Post