Tributo aos Mestres

   Este será um tributo aos mestres diferente, especial... o personagem a ser homenageado aqui, trata -se de uma lenda, alguém que ficou imortalizado nas nossas mentes, alguém que o tempo nunca irá apagar... o mundo se tornou mais pobre após sua morte, e nada seria o mesmo se ele não tivesse existido ... trata -se de um personagem simples, humilde, porém ninguém nos fez rir como ele fez, o mestre do humor, sempre devedor, eu falo do grande Seu Madruga!

       
                                             O MESTRE POR TRÁS DO PERSONAGEM

  Ramón Valdes, o ator que interpretou seu madruga, atuou em mais de 100 filmes,nos quais destacam-se "Calabacitas tiernas" (1948), "El rey del barrio" (1949), "Soy Charro de Levita" (1949), "La marca del Zorrillo" (1950), "Fuerte, audaz y valiente" (1960) e "El capitán Mantarraya" (1969), e também participou da novela Lupita, exibida no sbt.
  Foi em 1968 que Roberto Gomez Bolaños( o chaves ) o convidou para se juntar ao elenco do famoso seriado chaves, dando nascimento ao personagem Seu Madruga, que no original chama -se Don Ramón.
  Todos os que tiveram o prazer de trabalhar ao lado de Ramón, disseram que ele era uma pessoa incrível,talentosa e extremamente amigável.Ramón formou laços com toda a sua equipe, mas em especial com três: Carlos Villagrán( o Kiko), Angelines Fernández( a Dona Clotilde) e Edgar Vivar ( Seu Barriga).
  Ramón chegou a se juntar ao Carlos Villagrán no show de Frederico, e no final de sua carreira, viajou por todo o México com seu próprio circo.
  
Casou - se três vezes, e teve 10 filhos, e dizem que fora do seriado ele se vestia da mesma forma que quando estava atuando, também sempre fumava um cigarro antes de dormir.
  Porém, foi justamente o cigarro que o derrubou.Em 1980 foi descoberto um tumor em seu estomago, proveniente de outro, no pulmão.Seu últimos dias, passou sedado, devido as fortes dores que sentia, e, em 9 de agosto de 1988, o mundo ficou mais pobre...
   Ao saber de seu estado, vários amigos foram visitá - lo. Em uma conversa com Carlos Villagrán lhe disse:disse: “nos vemos lá em cima, no céu”. Ramón respondeu: “não se faça de louco, nos vemos lá embaixo, no inferno”. Edgar Vivar, quando o visitou, ouviu de Ramón :"Senhor Barriga, não poderei mais lhe pagar o aluguel".
   No enterro de Ramón, Angelines Fernández permaneceu cerca de duas horas ao lado do caixão, lamentando profundamente a morte do amigo. Durante todo o velório, permaneceu dizendo “mi rorro”, apelido carinhoso que atribuiu a Ramón. Encontra-se sepultado no Mausoleos del Ángel, Cidade do México no México.Amigos e familiares afirmam que Angelines nunca mais foi a mesma depois desse dia. Descuidou demais de sua saúde e acabou falecendo quase 6 anos depois de Ramón devido a um câncer de pulmão.


 Vejam este video:



 Seu trabalho se tornou imortal, até hoje rimos de suas piadas, em um personagem único, igual nunca haverá, onde sem piadas apelativas, sem humor negro, com a simples carisma e talento, Ramón deixou seu Legado.
  Foi injusto da parte da vida querer levá -lo. Ramón é um dos humanos que deveria ser imortal ... não, ele é imortal...

                                              SEU MADRUGA


    Um pai solteiro, devedor de 14 meses de aluguel.Um homem que já foi pugilista, carpinteiro, sapateiro, vendedor ambulante, e até professor substituto, entre outras profissões, Seu Madruga nunca desistiu, mesmo apanhando injustamente todos os dias de uma mulher, sempre segui seu pensamento de que um homem jamais deve bater em uma mulher.
  Seu Madruga, pai de Chiquinha, aguentava todos os dias as travessuras da turminha, sempre bolava uma desculpa pra enganar Seu Barriga, e mesmo quando tinha apenas agua em sua casa, tentava dar um jeito de conseguir um café da manhã, para ele sua filha e o Chaves.



 Suas frases ficaram marcantes, e embora um personagem humorístico, Seu Madruga nos ensina uma importante lição, a de nunca desistir de lutar, não importa o quão difícil se encontre a situação.    





  Mas vocês sabiam que há episódios que nunca foram exibidos no Brasil? Vejam:

      Neste o Seu Madruga retorna a vila:




Neste, chaves sonha com o casamento de Seu Madruga com Dona Clotilde:





Aqui temos seu Madruga cantando:









E pra terminar, deixo o video de Acapulco:








←  Anterior Proxima  → Inicio

2 comentários:

Seguidores

Total de visualizações

Arquivos

Link-me

CronicaEx
Connection -

Parceiros

Popular Posts

Popular Posts

Blogroll

Featured Post